PLEURISIA (OU PLEURITE)

O que é pleurisia?

A pleura é um saco de duas camadas que sustenta os pulmões, separando-os da parede do tórax, diafragma e coração.

A capa externa da pleura é chamada de parietal, e a interna de visceral. Em indivíduos normais, as duas pleuras são separadas por uma fina camada de líquido, que lubrifica as pleuras, e permite a expansão e o esvaziamento dos pulmões durante a respiração.

Pleurisia é uma inflamação da pleura, resultando na maioria dos casos em acúmulo de líquido no espaço pleural.

A pleura tem muitos receptores para dor. O pulmão não dói. Na presença de inflamação na pleura ocorre dor que se agrava com a respiração e pode haver acúmulo de grande quantidade de líquido no espaço pleural.

Quais são as causas da pleurisia?

Existem muitas causas:

Quais são os sintomas da pleurisia?

Podem ocorrer vários sintomas:

Como é feito o diagnóstico?

Diversas perguntas serão feitas com o intuito de descobrir a causa da pleurisia. O exame clínico poderá revelar um ruído que indica inflamação na pleura (um ruído de atrito, semelhante ao ranger de couro) ou a presença de derrame pleural. A radiografia de tórax e eventualmente uma tomografia irão confirmar o diagnóstico e sugerir possíveis causas.

Na presença de líquido na pleura, uma punção com biópsia da pleura é feita sob anestesia local. Os exames do líquido pleural e a biópsia são de grande auxílio para determinação da causa, especialmente se houver suspeita de câncer ou tuberculose.

Como é feito o tratamento?

Para alívio da dor pode ser usado um antiinflamatório, como ibuprofeno ou aspirina. A dor diminui ao se deitar do lado que dói. Evite exercícios. A causa da pleurite deve ser tratada (ex. pneumonia, embolia).

Nos casos em que pus se acumula na pleura, ou quando o líquido volta a se formar rapidamente um dreno pode ser inserido no espaço pleural. Em certos casos a realização de cirurgia pode ser necessária.

<< voltar